Quatro vietnamitas que se dedicavam na falsificação de passaportes detidos no Namibe

O Serviço de Investigação Criminal (SIC) do Namibe deteve, esta terça-feira 23, em Moçâmedes, quatro cidadãos Vietnamitas acusados de falsificação de vistos e de passaportes, segundo uma nota de imprensa consultada hoje pelo Repórter Angola

DF

Repórter Angola

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

No âmbito do trabalho de inteligência criminal, o Serviço de Investigação Criminal, através do seu Departamento Municipal de Investigação de Moçâmedes, deteve na manhã desta terça-feira, 23 de Novembro de 2021, quatro cidadãos solteiros, com idades compreendidas entre 26 à 40 anos, todos de nacionalidade vietnamita, acusados de terem falsificados vistos de passaporte.

Segundo o SIC, ” dos quatro cidadãos detidos, três entraram no país com vistos de fronteira de turista, para um período de estadia de apenas 15 dias, mais estes, depois de constatarem a caducidade dos vistos nos seus passaportes, em vez de dirigirem-se ao Órgão competente para acautelarem a situação, foram ao encontro de um compatriota que reside no município de Moçâmedes e que possui um passaporte com visto de trabalho legal, para que os ajudasse a fazer o scanner falsificarem os vistos com a finalidade de permanecerem no país de forma ilegal” diz a nota .

 

Fruto de uma denúncia e trabalho realizado pelas forças do SIC, culminou com apreensão de quatro passaportes, uma impressora e um computador de mesa de marcas HP, consequentemente a detenção em flagrante delito dos acusados que serão presentes ao Ministério Público.

 

Importa referir que, tendo em conta os factos e a sua especificidade, remeteu-se o expediente ao SME, para os trâmites subsequentes.

PUB