Morreu o Comandante Carlos Madaleno do MPLA

MPLA em Luto, morreu Carlos de Oliveira Madaleno, "o Comandante Madaleno", que deu tudo de si em prol dos ideais da Pátria angolana e do bem-estar do seu Povo, faleceu aos 80 anos, por doença, quarta-feira (16), em Portugal, onde se encontrava em tratamento.

DR

Com Jornal 24h

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

O Comandante Madaleno foi um membro activo da luta armada pela independência de Angola, esteve na base da derrota do colonialismo e dos que atentaram contra a independência de Angola e seus aliados.

 

Nesse sentido, teve participação directa na estratégia que levou à vitória das FAPLA (Forças Armadas Populares de Libertação de Angola) e do MPLA, a partir de Luanda e arredores, com o “tampão” montado em Kifangondo, que ditou a derrota dos inimigos da paz, da liberdade e independência total de Angola.

 

O Comandante Madaleno ficou notabilizado no Rangel, actualmente Distrito Urbano do Rangel, Município de Luanda, na então Base da Dona Amália. Naquela circunscrição luandense, o Comandante Madaleno é lembrado com muito carinho, principalmente por cidadãos que o conheceram e/ou ouviram falar da sua dedicação como patriota, homem digno e acérrimo defensor da causa do Povo Angolano.

Embora em idade avançada e bastante fragilizado, o Comandante Madaleno continuava a ser um homem preocupado com a situação do país.