Grupo Boa Vida e MASFAMU assinam memorando de entendimento para apoiar pessoas desfavorecidas

O Grupo Boa Vida e o Ministério da Acção Social, Família e Promoção da Mulher, assinaram esta terça feira, 04 de Maio o memorando de entendimento para desenvolver acções a favor da criança, mulher pessoas idosa e pessoa com deficiência, informou a imprensa o PCA do grupo.

DR

Repórter Angola com Factos Diários

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

A sociedade de direito angolano, liderado por Eng. Tomasz Dowbor, Presidente do Conselho de Administração, no âmbito da responsabilidade social, decidiu criar um memorando com MASFAMU no sentido de apoiar pessoas desfavorecidas e esta parceria poderá identificar pessoas desfavorecidas e o GBV irá servir como o solucionador dos problemas.

De acordo com a cláusula quinta, que esmiunça responsabilidades do MASFAMU, é da responsabilidade da instituição em causa fornecer os dados dos centros de acolhimento e de lares de terceira idade mais carenciados, convidar e envolver o GRUPO Boa Vida nas acções de solidariedade social a favor das comunidades mais carenciadas; Fornecer os dados de pessoas com deficiência que reúnam condições para o desempenho de múltiplas tarefas;Identificar as zonas do território nacional com maior índice do público-alvo do presente memorando.

Para o Grupo Boa Vida, será da sua responsabilidade implementar acções para a protecção e integridade da criança vítima de violência doméstica;Implementar programas de inclusão e igualdade social, através de uma política integrativa, pela reiteração da responsabilidade social na contratação de pessoas com sector empresarial na política de empregabilidade.

De lembrar que esteve presente no acto de apresentação a Ministra Faustina Alves de Sousa, secretária de Estado e quadros do MASFAMU. Ao lado do Grupo Boa Vida, em presentação do PCA Tomasz Dowbor, esteve presente Álvaro Moniz, administrador para área financeira.