Empresário do MPLA Tomasz Dowbor acusado de manter em cárcere privado Ex. Esposa Ellen Cristina

Informação vindo do Brasil através de uma fonte bem posicionada, revela que a ex. esposa de Tomasz Dowbor Elen Cristina Andrade, de nacionalidade brasileira, está privada de se deslocar para o Brasil, a sua terra natal, desde 2020.

DR

Lil Pasta News

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Segundo documento a que o Lil Pasta News tem em posse, Tomasz Dowbor, enviou uma carta no consulado da República de Angola no Rio de Janeiro no dia 04 de Outubro de 2019, solicitando múltiplas entradas para Angola, com objectivo de visita familiar e turismo.

No Documento, Dowbor prometeu assumir todos os custos decorrentes da sua estadia e o seu retorno para o Brasil. Os meses e anos se passar e as promessas escritas tudo indica que pouco ou nada se cumpriu. A menina Maria Antónia de Andrade Silva, que por sinal é sua enteada, permanece em Angola vivendo sem seguro de saúde e, o mesmo deixou de pagar propina no colégio Aurora-Internacional, tendo adquirido uma dívida no valor de 260 mil kwanzas.

Segundo informações que muitas delas estão documentadas, a senhora Elen Cristina Andrade, vem lutando para sair de Angola desde o  ano de 2020, porém encontra um grande impasse porque, conta a fonte, os documentos da senhora Elen andam caducados e impedida de renovar graças o poder que o empresário tem.

De um tempo a esta parte, o empresário angolano vem infernizando a vida da mãe de seu filho Victor, criando todos os mecanismos para ficar com o filho. Segundo dados a que o Lil Pasta News teve acesso, já foi assistida uma sentença no sentido da senhora Elen Cristina Andrade pedir desculpas públicas pelos erros que nunca terá cometido tudo para que a imagem de Tomasz Dowbor seja limpada e conseguir uma vaga no Comité Central do MPLA, partido maioritário em Angola.

O que conta o áudio de Dowbor?

“Eu quero que aconselha a ela para acordar e fazer bem o juízo das coisas e, quero informa-la que no momento que me faltar paciência nessa relação, da mesma forma que eu faço uso de todos os poderes que tenho aqui em Angola ou lá no Brasil, irei de contratar os melhores advogados do mundo e vou tirar todas as suas sujeiras, até agora, só eu sei, meu irmão e ela sabemos e, o Victor (Filho), vai ficar o resto da minha vida comigo. Não ficará com ela e quando cortar essa mer… toda ela não vai ficar com nada e verá o filho apenas uma vez por ano”, revelou o áudio.

No dia 03 de Setembro de 2019, Tomasz Dowbor terá ido a casa da senhora Elen Andrade e prometeu a senhora regressar para o Brasil tratar o visto para voltar e viver em Angola. Neste dia, ficou a garantia de comprar passagem de ida e volta, entregar documentos de doação de casa n projecto habitacional BOAVIDA assim como a permissão de levar o menino Victor Dowbor.

Segundo dados que nos chegaram, o empresário não cumpriu nenhuma dessas promessas, uma situação que deixa a senhora mais carcerada num país que nunca sonhou viver.

A Brasileira clama pela ajuda do seu consulado uma vez que a justiça angolana terá provado que a lei não é para todos.

PUB