Edson de Oliveira dono da Extagiarius acusado de burlar 20 milhões de Kz

A empresa Xtagiarious Finance ligada a aposta e depósito a prazo cuja o CEO é identificado pelo nome de Edson de Oliveira(na foto), está ser acusada de burlar mais de 100 clientes que muitos destes terão depositado e apostado mais de 20 milhões de kwanzas e, em troca, receberiam diariamente 35 mil kwanzas, segundo audios enviado ao Repórter Angola

DR

Repórter Angola

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Perto dos 100 clientes que muitos destes terão depositado e apostado mais de 20 milhões de kwanzas e, em troca, receberiam diariamente 35 mil kwanzas.

Alguns queixosos revelaram estar diante de uma burla. “Edson de Oliveira é burlador e pedimos que as autoridades tomem nota para despoletar enquanto é cedo”, lamentou José de Domingos que terá depositado 600 mil kwanzas, este, recebeu os lucros porém não lhe foi reembolsado os valores aplicados.

 

A Xtagiarious Finance entra no mercado oficialmente em 2013, actualmente, aparece como principal patrocinador de vários eventos culturais, ofertas de bens e alimentação. O maior problema é que poucos sabem qual é a verdadeira fonte de rendimento tendo em conta que a sede da empresa (Zango 3) não condiz com os rios de dinheiro que são esbanjados.

 

As vítimas garantiram a este portal que partir de agora, a dita empresa poderá perder muitos clientes e pedem aos outros clientes para se despertarem no sentido de evitar serem vítimas de Edson de Oliveira. “Estamos diante de uma burla. Está a patrocinar os filmes, rompimentos, teatro, jogos e entrega todas as semanas o dinheiro ao Fly Squad mas devolver o dinheiro que vem burlando aos seus clientes não consegue”.

 

O Jovem Paulo que promete levar Xtagiarious Finance às barras do Tribunal disse “temos a certeza que 90% dos seus clientes lá foram por intermédio dele e, para tranquilizar a pressão que o Flay passa, preferiu fazer parceria. O dinheiro que eu tinha para construir a casa da mãe, preferi colocar pausa para apostar e, no final, o dinheiro não devolvem e ele está a comprar casas e carros de luxo. Quando pressiona, justificam que o atraso está no contracto mas esse tem a duração de 15 dias, quando chega esse dia os valores não chegam. Desde Maio que eu injectei mais de 20 milhões de kwanzas, até agora não recebi nada e a garantia era de mim angariar 35 mil kwanzas por dia, infelizmente, ainda não recebi nada”, disse.

 

Actualmente, Edson de Oliveira vem ordenado eliminar as mensagens de pedido de explicação e críticas sobre os negócios falidos.

 

Desde o mês de Dezembro do ano passado, um jovem investiu mais de cem mil kwanzas, porém recebeu apenas os lucros e o dinheiro investido não ficou reembolsado e uma sua amiga que investiu um milhão de kwanzas continua esperando. “ Temos a certeza que dos 100% das pessoas que investiram no Xtagiarious Finance, apenas 30% estão a receber o dinheiro e, na sua maioria investiram abaixo de um milhão porque muito de nós que investimos acima dos 20 milhões de kwanzas, ainda não fomos atendidos”, disse.

 

Está mais do que obvio que os clientes estão diante de uma pirâmide porque a partir do momento em que uns são pagos e outros não, faz com que aqueles que são pagos servem para levarem bom testemunhos e trazer mais clientes para que aqueles que não são pagos serem vistos como atrapalhados e, o que se deve fazer “é não desistir porque precisamos de receber o dinheiro que investimos e os seus respectivos lucros”.

 

De acordo com o cabecilha das vítimas da burla do Xtagiarious Finance sob comando de Edson de Oliveira, há mais de 100 pessoas a serem burladas e muitos deles terão depositados mais de 20 milhões de kwanzas e, actualmente, estão a juntar forças para levar o caso à Procuradoria Geral da República.

PUB