Angola: Detido o mentor da rede de falsificadores de testes de Covid-19

Suposto lider da gang, de uma rede de falsificadores de comprovativos de testes de Covid-19, foi detido, em Luanda, pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC).

Archiv

Reroter Angola & SIC

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Um Jovem de 30 anos de idade, considerado como o principal mentor da rede de falsificadores de comprovativos de testes de Covid-19, foi detido, em Luanda, pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC), soube o Reporter Angola de fontes do Ministerio do Interior.

O acusado faz parte de um grupo de outros dois elementos já detidos no mercado dos Kwanzas, no município do Cazenga, na ultima quinta-feira (13).

De acordo com uma nota de imprensa do SIC consultada pelo Reporter Angola, nesta terça-feira 18, o detido confessou ser o mentor de todos os documentos falsos já apreendidos.

“A detenção ocorreu no mercado informal dos Kwanzas. As forças policiais já estavam no seu encalço há alguns dias e sem hipóteses de fuga foi surpreendido e detido”, lê-se na nota.

O SIC avança ainda que o detido será presente ao Ministério Publico para os procedimentos processuais.

A rede actuava numa reprografia, vulgo Kónica, no mercado dos Kwanzas, tendo como principais clientes indivíduos que pretendiam viajar para fora de Luanda.

Para o efeito, cada cliente era cobrado  o valor de 25 mil Kwanzas pelo comprovativo, sendo 15 mil Kwanzas do teste e 10 mil kwanzas do credencial de circulação da viatura.

PUB