Presidente de Angola recebido pelo Rei de Espanha no início de visita oficial

O Presidente de Angola foi recebido esta manhã pelo Rei de Espanha no início de uma visita oficial de dois dias, que inclui um encontro com o primeiro-ministro espanhol, para passar em revista a cooperação entre os dois países

DR

Lusa

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

O Presidente de Angola foi recebido esta manhã pelo Rei de Espanha no início de uma visita oficial de dois dias, que inclui um encontro com o primeiro-ministro espanhol, para passar em revista a cooperação entre os dois países.

 

Felipe VI recebeu João Lourenço no portão do Palácio da Zarzuela, residência dos reis nos arredores de Madrid, e depois acompanhou-o até à Sala de Audiências para uma fotografia oficial, tendo-se juntado em seguida as delegações dos dois países.

 

Do lado angolano estavam presentes o ministro dos Negócios Estrangeiros, Teté António, e o embaixador de Angola em Espanha, José Luís de Matos Agostinho, e do lado espanhol, o subsecretário dos Negócios Estrangeiros, Luís Manuel Cuesta, e o embaixador de Espanha em Angola, Manuel Hernández Ruigómez.

 

Felipe VI e João Lourenço, acompanhados pelas duas delegações, estiveram em seguida reunidos.

 

O Presidente angolano é o convidado de honra de um almoço oferecido pelos reis de Espanha no Palácio Real de Madrid, a partir das 14:15 locais (13:15 em Lisboa).

 

Da parte da tarde, o primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, irá receber João Lourenço às 17:00 (16:00) no Palácio da Moncloa, a sede do Governo.

 

Fonte do Governo espanhol disse à agência Lusa que a deslocação de João Lourenço “retribui” a visita oficial feita a Angola em 07 de abril por Pedro Sánchez, que na ocasião foi acompanhado por representantes de várias empresas espanholas.

 

Madrid considera as ex-colónias portuguesas de Angola e Moçambique países “prioritários” na sua ambiciosa estratégia para aumentar as relações económicas e diplomáticas com África.

 

Dias antes de ter partido para Luanda, Sánchez apresentou o plano “Foco África 2023” que espera que marque um ponto de viragem nas relações de todo o tipo com o continente africano, a fim de alcançar uma “nova parceria estratégica” em que Madrid possa liderar a ação da União Europeia com esta parte do mundo.

 

Segundo a agenda do Presidente da República de Angola, João Lourenço encerra a visita a Espanha na quarta-feira, dia em que tem previsto visitar “objetivos infraestruturais e institucionais na capital espanhola”.

 

A visita à capital espanhola “conclui” a “ação de diplomacia” angolana no estrangeiro, que incluiu Washington (sede do Governo norte-americano e de várias instituições económicas internacionais), Nova Iorque (sede das Nações Unidas) e Madrid.

PUB