No Uíge: Governador Rescova exige mais acção governativa

O governador do Uíge, Sérgio Luther Rescova, defendeu, no sábado, na cidade do Negage, a intensificação da acção governativa nos diferentes domínios, para a melhoria das condições de vida da população da região.

com JA

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

O Governador do Uige, Sérgio Luther Rescova,  manifestou essa posição no final de uma visita de dois dias ao município do Negage, onde avaliou a implementação do Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM) e do programa de combate à pobreza.

Segundo o governador, apesar das limitações de recursos alocados ao município do Negage, há acções que precisam ser melhoradas no futuro, fundamentalmente, na implementação dos projectos de combate à pobreza.

Em relação ao Negage, o governador disse que existem muitos desafios, considerando “importante dar ao município a dimensão que merece”.
/>Citado pela Angop, o governador reconheceu que o município regista um défice em equipamentos sociais para jovens, tais como bibliotecas, espaços de lazer, recintos desportivos e centros de formação técnico-profissional.

Esses desafios, prosseguiu, motivam-nos a continuar a trabalhar com o município. Considerou que as acções em execução no quadro do PIIM “estão num ritmo aceitável”. “A agricultura e o agro-negócio (…) têm grande capacidade de empregabilidade e o Negage tem muitas valências do ponto de vista agrícola, que precisamos reforçar”, disse, referindo-se ao potencial agrícola.</br

PUB