Jose Eduardo dos Santos deu oportunidade a muita gente para desenvolver Angola, afirma filha com contas congeladas

Isabel do Santos diz que JES deu oportunidade a muita gente para desenvolver Angola, infelizmente o seu sucessor o ataca como se nada tivesse feito.

Jonas Pensador

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

A empresária angolana, Isabel dos Santos, filha do ex-Presidente, José Eduardo dos Santos, afirmou hoje na sua pagina de twitter que seu pai deu muitas oportunidades ao povo angolano para desenvolver o país, revelando que o Decreto Presidencial de JES não deu monopólio dos seguros à empresa AAA mas sim à Sonangol.

No seu primeiro twitter de setembro, a empresária, afirmou que na altura da governação do seu pai, deu oportunidade a muita gente para desenvolver Angola, que muitos deveriam ter usado esta oportunidade para construir empresas e gerar empregos para jovens angolanos, gerar receitas de impostos, construir fábricas e desenvolver o país.

No segundo twitter, esta revelou que o decreto Presidencial de JES não deu o monopólio dos Seguros dos Petróleos a empresa AAA, de São Vicente mas que  terá dado essa exclusividade à estatal Sonangol EP, só depois a administração da Sonangol decidiu entregar este negócio em “exclusivo” a empresa AAA do empresário São Vicente, genro do 1° Presidente de Angola, António Agostinho Neto.

No último twitter a empresária compartilho uma notícia triste e revoltante. Um jovem médico angolano foi preso pela polícia “que não distribui chocolates”.

O Tribunal Provincial de Luanda e de portugal determinou o arresto preventivo de contas bancárias pessoais da empresária angolana Isabel dos Santos, de Sindika Dokolo e de Mário da Silva – o principal gestor da empresária -, além de nove empresas angolanas nas quais detêm participações sociais, de acordo com uma decisão do tribunal a que o RA teve acesso. Entre essas empresas, encontram-se a operadora Unitel, o banco Banco Fomento Angola (BFA), a ZAP Media, a Cimangola II, a Ciminvest, a Continente Angola e a Sodiba, entre outras.

A empresária naltura, acusou JLO de perseguição Politica.

PUB