Autoridades namibianas rejeitam arrestar banco de Isabel dos Santos

O Presidente namibiano, Hage Geingob, não cedeu a pressões de Luanda, no sentido de arrestar o banco BIC da Namíbia, no qual a empresária Isabel dos Santos detém 42,5%.

RA & Kz

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Na Namibia, Isabel   Dos Santos ainda sobrevive com seu Banco BIC, segundo  Fontes do portal Confidence News, ao revelarem que uma corrente do partido no poder, Swapo, pressionou o estadista namibiano para não se envolver “na campanha” contra a família de José Eduardo dos Santos.

O antigo presidente namibiano, Sam Nujoma, amigo de JES, é de acordo com a fonte, o líder do movimento que influenciou a decisão do presidente Geingob.

A empresária Isabel dos Santos é filha primogénita de José Eduardo dos Santos, antigo presidente de Angola. Durante o consulado do pai, desenvolveu uma rede de negócios que se estendeu por vários países dentro e fora do continente africano.

Em 2019, as autoridades judiciais angolanas decretaram o arresto de várias empresas e contas bancárias pessoais da empresária e do seu esposo.

A campanha de arrestos se estendeu para Portugal, onde Isabel dos Santos detém participação em vários negócios.

PUB