Os dez jogadores mais bem pagos do futebol mundial

A "Forbes", conceituada revista de negócios e economia, compilou ordenados e patrocínios dos jogadores mais bem pagos do mundo. Cristiano Ronaldo continua a ser o futebolista mais bem pago avaliado em107.4M €, Lionel Messi com 94.5M€, Neymar Jr. 81,7M€ e Kylian Mbappé com 37M€

DR

Forbes

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Cristiano Ronaldo | 107.4M €

Depois de três anos ao serviço da Juventus, Ronaldo regressou a Manchester, clube que representou entre 2003 a 2009, marcando 118 golos em 292 jogos. Ao longo dos seus 18 anos de carreira, ganhou 32 grandes troféus. Ronaldo já faturou mais de mil milhões de euros. O avançado é o primeiro atleta do mundo a atingir esse marco.

Lionel Messi | 94.5M€

Ao longo dos últimos 21 anos com o Barcelona, Messi marcou 672 golos e ganhou 35 títulos e 78 prémios (incluindo um recorde de seis troféus “Ballon d’Or”). Também embolsou 752 milhões de euros em salários e bónus, e outros 300 milhões de euros em patrocínios. Só a nível de ordenado (65 milhões de euros), Messi é o jogador mais bem pago do mundo.

Neymar Jr. | 81,7M€

É a transferência mais cara da história do futebol mundial. O PSG pagou 220 milhões de euros para tirar Neymar do Barcelona. Em maio, o jogador de 29 anos renovou até 2025. Após uma rescisão de contrato com a Nike devido a uma alegada agressão a um funcionário da “Swoosh”, Neymar assinou com a Puma. É o 3º atleta mais popular no Facebook, Instagram e Twitter, com 284 milhões de seguidores.

Kylian Mbappé | 37M€

O francês de 22 anos está no último ano de contrato com o PSG. Mbappe acumulou mais objetivos de carreira do que Ronaldo ou Messi na sua idade. No ano passado, a “EA Sports” deu-lhe a capa do “FIFA 21”, tornando-o um dos mais jovens de sempre a fazê-lo. Este ano, voltou a ser a capa do jogo de futebol mais vendido do mundo. Apenas da “EA Sports” recebeu quase 15 milhões de euros.

Mohamed Salah | 35M€

Em outubro de 2020, marcou o 100º golo pelo Liverpool, tornando-se o mais rápido a fazê-lo na história do clube. Nenhum outro jogador da Premier League marcou mais golos ao longo do mesmo tempo. É o rosto dos atletas muçulmanos no futebol. Um estudo da Universidade de Stanford concluiu que, após a entrada de Salah no Liverpool, os crimes de ódio na cidade caíram 16%.

Robert Lewandowski | 30M€

O melhor jogador do mundo tem contrato com o Bayern Munique até 2023. Robert Lewandowski continua a construir um legado exclusivo. Ele está a fazer uma corrida ao título de melhor jogador do mundo não só no campo, mas também fora dele. Lançou a sua marca de roupa “RL9”, acrescentando aos seus ganhos de patrocínio da “Nike”, “Huawei” e “Head & Shoulders”, entre outros.

Andrés Iniesta | 30M€

Iniesta mudou-se para o Japão com um contrato de dois anos com Vissel Kobe em 2018, depois de 22 anos no Barcelona. Desde então, o médio espanhol ajudou o clube a ganhar a Taça do Imperador em 2019, a qualificar-se para a Liga dos Campeões da AFC pela primeira vez e a ganhar a Super Taça do Japão em 2020. Em abril deste ano, no seu 37º aniversário, renovou até 2023.

Paul Pogba | 29.2M€

Há dez meses, o futuro de Pogba no Manchester United era incerto. Mas desde a contratação de Cristiano Ronaldo e do seu colega de equipa internacional francês, Raphael Varane, os rumores sugerem que ele está inclinado a assinar uma extensão do contrato. O jovem de 28 anos está a meio de um contrato de dez anos com a Adidas, no valor estimado de 39 milhões de euros.

Gareth Bale | 27.5M€

Ultimamente, Bale tem sido mais jogador de golfe do que de futebol devido a problemas internos no Real Madrid. Mas o ordenado do jogador galês é um dos maiores, 22.3 milhões de euros brutos por ano. Não há interessados no passe do jogador do Real Madrid.

Eden Hazard | 24.9M€

O camisola 10 do Real Madrid custou 100 milhões de euros no verão de 2019. Hazard ainda não conseguiu mostrar o futebol que tinha no Chelsea. Mas o belga tem lutado, faltando 59 jogos nas suas duas primeiras temporadas com o clube. Rumores dizerm que o clube espanhol está a tentar vender o joagdor, já em janeiro. Na Bélgica, Hazard é cartaz do McDonald’s, e em contrato com a Nike e Nissan.

PUB