1º de Agosto desconhece transferência de Luvumbo

O vice-presidente para o Futebol do 1º de Agosto, Paulo Jorge Magueijo, afirmou que a direcção do clube desconhece as informações postas a circular, sobre uma alegada transferência do internacional angolano Zito Luvumbo para o Cagliari da Itália.

com JA

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Apesar de confirmar a existência de contactos com o clube italiano, tendo em vista a cedência do jogador, o dirigente da equipa militar nega haver já qualquer assinatura de contrato ou finalização de negociações. “Não é verdade que o Zito Luvumbo assinou contrato com o Cagliari” adiantou Paulo Jorge Magueijo na entrevista ao Jornal de Angola desta terça-feira 01 de setembro.

“O que posso adiantar, para que fique bem claro, é: o clube italiano manteve um contacto com a nossa direcção, via e-mail, a manifestar interesse no atleta, mas não passou disso. Estamos à espera de um novo contacto do Cagliari, desde sexta-feira, dia 28”, esclareceu.

Magueijo lamentou o facto de as informações terem sido veiculadas nos órgãos de comunicação social, como se de uma verdade se tratasse. “É preciso ter calma. O 1º de Agosto, o Cagliari e o jogador ainda não sentaram para acertar os pormenores do contrato. Nada está definido” frisou.

Pode ser que venha a acontecer um acordo, mas no momento que lhe falo não posso assegurar nada. Essa é a verdade”, acrescentou. De acordo com o vice-presidente para o Futebol dos militares, também “não corresponde à verdade os valores associados ao suposto negócio”, estimado em 800 mil euros e muito menos o 1º de Agosto vai ficar com 30 por cento do passe de Zito Luvumbo.

“Neste tipo de transferências, sobretudo para a Europa, a cedência de 30 por cento do passe é apenas para contratos acima de um milhão de euros. Com o Nelson da Luz, por exemplo, o clube ficou apenas com 15 por cento. No caso do Zito Luvumbo, o clube pode ficar com 20 a 15% do passe, caso se confirme este interesse manifestado pelo Cagliari”, disse.

De acordo com as informações postas a circular nas redes sociais, cujas fontes são atribuídas ao clube italiano, Zito Luvumbo teria assinado com o Cagliari da Itália por 800 mil dólares (quatrocentos e 80 milhões de kwanzas) e nesse negócio, o 1º de Agosto, além de arrecadar esse dinheiro, ficou com 30 por cento do passe do jogador.

Asseveram, ainda, que o jogador vai ter um salário bruto de 50 mil euros (31 milhões de kwanzas), direito a uma viatura do patrocinador do clube, apartamento e todos os impostos pagos pelo clube ao fisco italiano.

Tommaso Giulini, presidente do Cagliari, é citado como tendo feito uma publicação no site do clube, a assegurar que o jogador angolano viajaria para a Itália no passado dia 31 de Agosto e destacado no texto publicado nas redes sociais que “Zito Luvumbo é um dos 60 melhores jogadores jovens da actualidade, sondado por grandes clubes como Barcelona e Manchester United”.

Recorde-se que, em Março de 2019, Zito Luvumbo chegou a estar próximo de concretizar a sua primeira transferência para a Europa, concretamente para o Manchester United da Inglaterra, tendo na altura o tablóide inglês “The Sun” aventado a possibilidade de o jogador angolano ser emprestado a um clube português para ganhar experiência.

PUB