PR de transição do Mali faz visita de trabalho à Guiné-Bissau

O Presidente de transição do Mali, Bah N'Daw, realiza a partir de domingo uma visita de trabalho de dois dias à Guiné-Bissau, anunciou hoje a presidência guineense.

DR

Lusa

Lusa

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

O Presidente de transição do Mali, Bah N’Daw, realiza a partir de domingo uma visita de trabalho de dois dias à Guiné-Bissau, anunciou hoje a presidência guineense.

Segundo o programa da visita divulgado à imprensa, Bah N’Daw janta no domingo com o Presidente guineense, Umaro Sissoco Embaló e na segunda-feira participa na cerimónia de trasladação dos restos mortais do antigo chefe de Estado guineense João Bernardo “Nino” Vieira para a Amura, sede do Estado-Maior General das Forças Armadas da Guiné-Bissau e onde estão já sepultados os antigos presidente guineenses Malam Bacai Sanha e Kumba Ialá.

Do programa de visita para segunda-feira, consta também uma reunião de trabalho com o Presidente guineense e um encontro com a comunidade do Mali residente em Bissau.

A delegação do Presidente de transição do Mali inclui o ministro dos Negócios Estrangeiros e o ministro da Integração Africana.

Bah N’Daw tomou posse em 25 de setembro depois de um golpe de Estado em agosto, tendo nomeado um governo de 25 membros, liderado por Moctar Ouane e no qual os militares ocupam pastas consideradas chaves.

Independente desde 1960, o Mali viveu, em 18 de agosto, o quarto golpe militar na história do país, depois dos ocorridos em 1968, 1991 e em 2012.

PUB